Jaraguá do Sul viveu mais uma vez nas últimas 24 horas momentos de dor e de luto por causa de mais duas vidas perdidas no trânsito. As vidas do professor de educação física Marco Antonio Borges, conhecido como Miliko, 49 anos, e da dona de casa Silvana Ferreira de Mello, 31 anos, se cruzaram de forma fatal na pista da BR-280, em Jaraguá do Sul, por volta das 16h50 de quinta-feira (19). Silvana, mãe de cinco filhos e moradora do condomínio Erica Modrok Menegotti, foi sepultada por volta das 16h30 desta sexta-feira (20) no cemitério do bairro Nereu Ramos. Mesmo local onde às 17h30 baixa à sepultura o corpo do professor. Comoção generalizada na comunidade. Mensagens de força e despedida de adeus de multiplicam às centenas pelas redes sociais de ambos, com palavras de força para os familiares e lembranças eternizadas. Às mensagens, seguem questionamentos acerca das condições do acidente, que estão sendo apuradas pela Polícia Rodoviária Federal (PRF).
O professor Marco Antonio Borges e a dona de casa Silvana Mello dirigiam carros que se chocaram na BR-280 na quinta-feira: ambos foram sepultados nesta sexta, no cemitério de Nereu Ramos, em Jaraguá do Sul | Fotos Reprodução Facebook/OCP
O que se sabe é que o impacto da batida foi tão forte que o Kadett azul dirigido por Silvana capotou várias vezes e que ela foi retirada do carro já inconsciente. O velocímetro travou em 120 km/h. Todos os esforços de bombeiros e socorristas e médicos do Serviço de Atendimento Médico de Urgência (Samu) para salvá-la foram em vão e ela foi considerada morta no local do acidente. Esforços estes que foram testemunhados pelo marido dela, que passava de bicicleta pelo local e ao reconhecer o carro da mulher entrou em estado de choque. Cerca de uma hora depois, foi a vez de desabar o mundo dos familiares e amigos do professor Miliko. Vascaíno, esportista atuante na comunidade, ele está sendo alvo de diversas homenagens de alunos e colegas de profissão, que o classificam como uma pessoa determinada, amante do esporte que virou profissão e em dezenas de mensagens é citado como "o melhor professor que já tive". Ele também deixa mulher e três filhos adolescentes. Segundo informações, Miliko se dirigia para uma reunião, em busca de patrocínio para os projetos sociais ligados ao esporte que desenvolvia quando seu Monza e o Kadett de Silvana colidiram. Tristeza imensa em várias escolas. A Secretaria Municipal de Educação pediu um minuto de silêncio em sua homenagem. Na Escola Julius Karsten, onde ele lecionou até o ano passado, e que nesta semana já vestiu luto por causa do aluno Eduardo Lisboa, 15 anos, morto também vítima de acidente na BR-280 na terça-feira (17), uma homenagem deve ser feita nesta noite. O ciclista Dudu morreu a cerca de 800 metros de onde morreram Miliko e Silvana. Na Escola Euclides da Cunha, alunos e professores se uniram na noite de quinta para orar ao saber da confirmação da morte do professor. Veja mensagem no Face da Escola: "Nossa homenagem a um grande homem, professor, treinador , amigo, pai e companheiro de todas as horas: professor Marco Antonio Borges. Pessoa que cobrava o melhor de cada um e de cada uma. Pode ter certeza que o melhor irá prevalecer em nossa caminhada. Um pouco do professor Milico ficou em cada um/a de seus atletas, de seus estudantes. Sua estrela continuará brilhando entre nós. Professor Milico! Presente!!!"   Dor e perplexidade também entre alunos, professores e funcionários da Escola Teresa Ramos, de Corupá, onde o professor deixou sua marca, a risada inconfundível. Veja mensagem: Marco Antonio Borges, "você deve estar impressionando os anjos com sua risada" .... a escola parou para chorar por você.... sempre sobrarão motivos para sorrir ao lembrarmos de você ?.... frio na alma.... LEIA TAMBÉM: - [VÍDEO] Motoristas vítimas de acidente na BR-280 serão sepultados no cemitério de Nereu Ramos