A Divisão de Roubos e Antissequestro (Dras) da Diretoria Estadual de Investigações Criminais (Deic) prendeu o último integrante de uma quadrilha que entrou em confronto durante um assalto ocorrido em São João Batista. Jolvane Azeredo Oliveira, 39 anos, conhecido como “Burro”, foi preso em uma ação conjunta com a Delegacia de Roubos da Deic da Polícia Civil Gaúcha. A prisão aconteceu nesta quarta-feira (9), em Canoas, município da Grande Porto Alegre, no Rio Grande do Sul. O assalto aconteceu em fevereiro de 2017. Agentes da Dras receberam a informação de que a quadrilha iria agir em São João Batista e montaram uma campana. O bando foi flagrado durante a ação e trocou tiros com os policiais civis. Três assaltantes morreram no confronto e quatro foram presos. De acordo com a Deic, outros dois criminosos foram mortos em outro confronto com a Polícia Civil no Rio Grande do Sul. Durante o confronto com os bandidos, dois policiais civis ficaram feridos, um deles o delegado Anselmo Cruz, atual diretor da Deic. Burro estava com mandado de prisão expedido pela Justiça a pedido de Cruz.