Policiais rodoviários federais, com apoio de policiais militares, recuperaram na tarde de sexta-feira (1°) um GM/Cruze com registro de furto/roubo e que circulava clonado. Três homens foram presos.

Durante fiscalização de rotina, os agentes desconfiaram do CRLV (Certificado de Licenciamento do Veículo) que tinha indícios de falsificação. O papel pertencia a um lote roubado do Detran e continha informações falsas. Em vistoria ao automóvel, os agentes identificaram a remarcação da numeração dos vidros, chassis e motor.

O Cruze tinha registro de furto/roubo em Belo Horizonte/MG, mas estava circulando com placas e demais sinais identificadores de outro veículo de mesmas características, também registrado na capital mineira, caracterizando a clonagem.

Os três ocupantes, naturais do Mato Grosso do Sul, foram presos e encaminhados à Delegacia de Polícia de Rio Negrinho, onde vão responder pelos crimes de uso de documento falso, receptação e adulteração de identificação de veículo automotor.

Quer receber as notícias no WhatsApp?