Uma ação da Polícia Militar na noite deste sábado (14), no bairro Aventureiro, em Joinville, prendeu um homem por tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo e munições. Quatro armas de fogo, R$ 1.221,35 e mais de 100 kg de drogas e materiais usados para o tráfico de drogas foram apreendidos. A prisão do traficante é resultado da operação 4.000, deflagrada pela Polícia Militar em território catarinense.

Por volta das 20h40, guarnições da PM começaram uma perseguição a uma motocicleta na rua Martinho Van Bienne, no bairro Aventureiro. O motociclista em atitude suspeita empreendeu fuga por diversas ruas do bairro, não obedecendo às diversas ordens de parada, cruzando várias preferenciais, semáforo, radares e ainda furando uma barreira policial na rua Tuiuti. Ele foi acompanhado por policiais do Patrulhamento Tático e da Rocam (Rondas Ostensivas com Apoio de Motocicletas), que emitiram sinais luminosos e sonoros. Na rua Araras, o motociclista perdeu o controle e caiu no chão.

Segundo a PM, o suspeito, de iniciais G.L.O, carregava 22 munições de calibre .22. Durante a perseguição policial, o motociclista dispensou ainda um tablete de maconha, que foi localizado em frente a uma empresa de gás na rua Tuiuti. O suspeito foi questionado sobre a arma. Ele afirmou que estaria em sua casa na rua José Gonçalves, Quadra C, no bairro Aventureiro.

Quatro armas de fogo, R$ 1.221,35 e mais de 100 kg de drogas e materiais usados para o tráfico de drogas foram apreendidos | Foto Polícia Militar/Divulgação

No endereço foram localizadas quatro armas de fogo - uma garrucha calibre .36 com uma munição, uma garrucha calibre .32, cano duplo; um revólver calibre .32 Taurus municiado com seis munições, e um revólver calibre .22 Rossi, municiado com cinco munições.

 

Material apreendido foi levado para a Central de Polícia em Joinville | Foto Polícia Militar/Divulgação

Também foram apreendidos 130 tabletes de maconha,  totalizando 100Kg da droga; três pacotes de cocaína, totalizando 3,61Kg; um quilo de crack em pedra bruta; 12 potes de vidro totalizando 7Kg de Skank; uma arma de pressão Airsoft; quatro radiocomunicadores, três balanças de precisão; um cofre; uma máquina de prensar droga; três aparelhos celulares; um colete balístico; um caderno de anotação da contabilidade do tráfico; e R$ 1.221,35 em dinheiro.

O traficante e todo o material apreendido foram levados para a Central de Polícia para lavratura do Auto de Prisão em Flagrante.

 

Quer receber as notícias no WhatsApp?