A Polícia Civil de Schroeder segue várias linhas de investigação para tentar desvendar caso tratado como tentativa de homicídio registrado no domingo (12), no município. O vigilante Sigfried Schumman, atingido por um tiro de espingarda nas costas, encontra-se internado em estado gravíssimo.

O escrivão Marco Willians, com apoio do delegado Augusto Brandão, informa que diversas pessoas já foram ouvidas, e outras ainda serão nesta quinta-feira (16). Apesar disso, ainda não existem muitos detalhes a respeito do ocorrido. A vítima é um homem trabalhador e que não tem inimigos, apesar de alguns desentendimentos com alguns moradores da região.

Segundo Willians, nada está descartado. “Não descartamos nenhuma hipótese. É um crime bem atípico para nossa região, com muita violência. Pode ter sido uma emboscada, pois a vítima não viu nem ouviu nada antes de ser atingida”.

A situação que leva a polícia a acreditar em emboscada é justamente um atrito que há na região envolvendo a vítima, por causa de captação de água. “O homem (Sigfried) é um dos primeiros moradores do morro e capta a água que vem dele, o que vem gerando uma briga com alguns moradores por causa dessa água, usada para a criação de peixe. Por causa desse desentendimento, algumas vezes os canos de água dele eram quebrados em represália”, apurou Willians.

No dia anterior ao fato, os canos da propriedade tinham sido novamente quebrados. No domingo, Sigfried Schumman pegou sua tobata e foi até o local verificar. Ao retornar, sem perceber nenhuma movimentação, foi atingido por um tiro de espingarda pelas costas.

A possibilidade da vítima ter sido atingida por um “canhãozinho”, artefato utilizado para caça de animais que costuma utilizar chumbo e é acionado ao pisar, também não está descartada.

Tiro causou sérias lesões

Por ser uma munição carregada com “chumbeira”, ou seja, vários chumbos são disparados em um só tiro, o dano causado na vítima foi bastante grave. Ele foi socorrido pelos bombeiros voluntários e na sequência pelo Samu e levado ao Hospital São José, onde teve o tórax drenado e passou por cirurgia. A vítima perdeu um pulmão, teve o intestino perfurado e um dos chumbos estaria alojado em sua cervical.

Vítima já teria sido alvo de represálias

Tempos atrás, Sigfried já teria procurado a delegacia para registrar uma queixa. Ele é criador de peixes e todos os peixes de duas lagoas suas teriam morrido após um suposto envenenamento criminoso. Como a análise da água para verificar a presença de veneno custaria caro, o caso ficou parado.

Relembre o caso

- A Polícia Militar foi chamada pelos bombeiros voluntários às 9h51 do domingo para apoio em uma ocorrência nas imediações de um bananal na rua 3 de Outubro, no bairro Braço do Sul, onde um homem foi atingido por disparos de arma de fogo.

- Segundo informação apurada pelo OCP no dia do crime, o fato ocorreu quando o homem saiu para ver um problema relacionado com a captação de água de um terreno. Ao voltar para casa, foi baleado pelas costas. A vítima trabalha como vigilante no Hospital Santo Antônio, em Guaramirim.