Parte do telhado da área Oeste do prédio cedeu em cima dos servidores | Fotos Divulgação Redes Sociais
Parte do telhado da área Oeste do prédio cedeu em cima dos servidores | Fotos Divulgação Redes Sociais

O desabamento de parte do telhado da Piazza Itália, no bairro Anita Garibaldi, Zona Sul de Joinville, deixou pelo menos nove pessoas feriadas, a maioria servidores da Prefeitura de Joinville.

Parte da estrutura onde atualmente funciona a Sema (Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente) cedeu, na manhã desta quinta-feira (28), pouco depois do início do expediente, por volta das 8h30.

Cerca de 40 pessoas estavam no local antes do desabamento. Algumas foram atingidas e precisaram ser retirada dos escombros pelas equipes do Corpo de Bombeiro Voluntário de Joinville. Sete foram conduzidas pelos bombeiros ao Hospital Municipal São José. A maioria das vítimas é servidor da Prefeitura de Joinville.

Cerca de 50 integrantes do Corpo de Bombeiros Voluntários de Joinville atuaram nos resgates que também tiveram o apoio do Samu, Defesa Civil e até ambulâncias  de empresas particulares.

Ainda não há dados oficiais sobre o número de pessoas feridas ou das causas do incidente. Equipes dos Bombeiros e da Defesa Civil estão no local para avaliar a estrutura que segue completamente interditada.

Confira algumas imagens do incidente que nesta manhã circulavam nas redes sociais

Prefeitura divulga nota oficial sobre o incidente

No final da manhã a Secretaria de Comunicação da Prefeitura de Joinville emitiu uma nota falando sobre o acidente. Confira a nota na íntegra.

A Prefeitura de Joinville comunica que hoje (28/2), por volta das 9 horas, houve um abalo na cobertura do prédio onde funciona a sede da (Sama) Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente, localizada na rua Anita Garibaldi, no edifício Piazza Itália.

O abalo ocorreu no piso superior da estrutura, onde funcionam as Unidades de Desenvolvimento de Gestão Ambiental, Bem-estar e Proteção Animal, e Parques, Praças e Rearborização Pública.

Cerca de 40 pessoas estavam no local no momento em que um estalo foi ouvido, indicando possível abalo. Imediatamente, todos evacuaram o prédio e parte da estrutura caiu.

Houve o registro de 9 (nove) pessoas levemente feridas. Sete foram encaminhadas ao Hospital São José e dois liberados. Não há registros de pessoas com traumas graves. Outras 20 pessoas foram atendidas no local pela equipe do Corpo de Bombeiros Voluntários, que chegou rapidamente ao local, assim que acionada pela Sama.

Logo que ocorrido o fato, o prefeito de Joinville Udo Döhler esteve no local para acompanhar a situação e prestar amparo às pessoas, a maioria delas de servidores públicos do município que estavam em seus postos de trabalho.

Além do imediato atendimento às vítimas, também já foi iniciado o trabalho de avaliação da estrutura por técnicos da Defesa Civil de Joinville e pelos Bombeiros Voluntários. O prédio está interditado e os serviços prestados pela Unidade não serão mais realizados no local momentaneamente.

Logo após o Carnaval, os setores da Sama que fazem atendimento ao público estarão concentrados no Centreventos Cau Hansen. A data do funcionamento da estrutura será divulgada posteriormente pela Prefeitura. As áreas administrativas serão realocadas em outras Unidades da Prefeitura.

A prioridade da Prefeitura de Joinville e da Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente é dar atenção aos servidores que estão sendo atendidos no Hospital Municipal São José.

Quer receber as notícias no WhatsApp?