Um homem suspeito de assaltar uma cooperativa em Chapecó e que capotou veículo na fuga teve sua prisão em flagrante convertida em preventiva após decisão do plantão judicial daquela comarca. O crime, segundo a polícia, foi cometido por dois homens que portavam armas de fogo. Um deles fugiu com um veículo do estabelecimento.

Policiais militares perseguiram o assaltante por terra e tiveram o auxílio da polícia civil, através da equipe do SaerFron, com helicóptero. O suspeito capotou o carro e foi preso em flagrante, na tarde da segunda-feira (6). Na decisão, foi verificada a integralidade do auto de prisão em flagrante, que foi homologado, e reconheceu-se a necessidade cautelar de restrição da liberdade.

O outro envolvido continua foragido. A cooperativa não divulgou o valor levado pelos assaltantes.