Sob forte chuva, oeste do estado registra enchentes e destelhamentos

Divulgação/CBMSC

Por: Pedro Leal

04/10/2023 - 08:10 - Atualizada em: 04/10/2023 - 08:43

A chuva volumosa registrada nesta quarta-feira (4) provoca prejuízos em Santa Catarina. Casas foram destelhadas, alagadas e ficaram sem energia elétrica. Em Chapecó, maior cidade do Oeste, uma motociclista ficou ferida depois que bateu contra galhos em uma rua.

O estado de Santa Catarina tem sido atingido por chuvas intensas e volumosas desde o final da tarde desta terça-feira (3). Até às 8h desta quarta-feira, (4), o Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina (CBMSC) atendeu 21 ocorrências relacionadas com o evento climático.

As informações são do portal G1 e do Corpo de Bombeiros Militares de Santa Catarina.

Também há registro de queda de árvores por conta dos ventos. Os municípios avaliam a abertura de abrigos ao longo do dia.

O estado está em atenção para o risco alto de enxurradas, alagamentos e deslizamentos. De acordo com a Defesa Civil, a chuva pode superar os 100 milímetros em algumas regiões nesta quarta.

Os temporais ocorrem por conta do avanço de frente fria que passa pelo Sul do país, além da influência de um sistema de baixa pressão presente no Paraguai.

De acordo com a Defesa Civil de Chapecó, 16 residências foram destelhadas no final da tarde de terça no bairro Santo Antônio. Lonas foram distribuídas durante a madrugada. Ao longo da noite, 200 locais ficaram sem energia por conta de placas metálicas atingiram a rede elétrica.

Em Vargeão, galhos de árvore caíram na BR-153, entre trevo da Campina da Alegria e Irani, por volta das 2h desta quarta.

Em Erval Velho, houve alagamentos em diversas áreas. O Corpo de Bombeiros trabalha para atender as famílias atingidas.

Até o momento foram registradas ocorrências nos Batalhões de Bombeiros Militar (BBM) com sede em: Canoinhas (9º BBM); Joaçaba (11º BBM); Florianópolis (1º BBM); Itajaí (7º BBM); Chapecó (6º BBM); Xanxerê (14º BBM); Curitibanos (2º BBM); Balneário Camboriú (13º BBM); São Miguel do Oeste (12º BBM).