A Polícia Civil, por meio da CICON (Central de Investigação do Continente), com apoio das delegacias da DPGF (Diretoria de Polícia da Grande Florianópolis) e 22º BPM, realizou desde as primeiras horas desta sexta-feira (29) operação de combate a crimes de tráfico de drogas e organizações criminosas na comunidade da Vila Aparecida, em Florianópolis. Participaram das diligências 80 policiais (40 civis e 40 militares).

O balanço inicial da operação tem quatro conduzidos e dois presos em flagrante | Foto Divulgação

Foram cumpridos 20 mandados de busca e apreensão e 11 de prisões temporárias. O balanço inicial da operação tem quatro conduzidos e dois presos em flagrante, um por tráfico e outro por integrar organização criminosa. A ação tem continuidade ao longo do dia para cumprimento dos mandados de prisão ainda em aberto.

Também foram apreendidos 26 aparelhos celulares, um notebook, cartas e bilhetes com troca de mensagens entre os integrantes das facções criminosas e pequena quantidade de droga embalada para consumo.

O delegado João Adolfo Fleury Castilho, responsável pela operação, salienta a importante ação de combate às facções criminosas na área continental de Florianópolis, com o intuito de coibir o tráfico e associação para o tráfico.

“Importante destacar que foram coletadas provas e indícios suficientes de autoria e de materialidade que fortalecem o inquérito policial, além de outras provas que serão analisadas posteriormente a partir das perícias do IGP nos aparelhos apreendidos”, disse.

 

Quer receber as notícias no WhatsApp?