Foto: Divulgação Incentivar a adoção sem preconceito por meio da divulgação de histórias reais é o objetivo da campanha “Adoção-Laços de Amor”, lançada na manhã desta sexta-feira (15/05), na Assembléia Legislativa. O Deputado Dr. Vicente Caropreso, Presidente da Comissão de Defesa dos Direitos das Crianças e Adolescentes, prestigiou o evento e comentou que "A Assembleia Legislativa está buscando ser eficiente em tocar o coração das pessoas, em fazer com que Santa Catarina salte a frente dos outros estados para garantir o mais importante, que é o direito de uma criança viver em família. A Campanha busca conscientizar as pessoas de que os vínculos entre pais e filhos adotivos surgem independentemente de idade, gênero ou qualquer outra condição. Em Santa Catarina, 1.458 crianças e adolescentes estão em programas de acolhimento e, muitos deles, em condições de serem adotados. Por outro lado existem 2.502 pretendentes habilitados para a adoção em toda a Santa Catarina. O maior obstáculo para a diminuição destes números é a diferença entre o perfil idealizado e a realidade. Isso por que 80% dos inscritos desejam adotar preferencialmente meninas com até três anos e sem irmãos. “Temos que conscientizar as pessoas que existem muitas crianças que podem ser adotadas”, disse. Dr. Vicente conhece na prática esse assunto, pois também é pai adotivo. “Há trinta anos minha filha mais velha chegou e trouxe muita alegria para nossa família. É esse ato que quero que aconteça para cada uma das crianças que estão nos lares esperando o carinho que eu dei e que minha família deu para nossas filhas”, finalizou. Está é a segunda edição da Campanha que também busca medidas práticas que contribuam para desburocratizar os processos de adoção de crianças e adolescentes.