A Polícia Civil de Santo Amaro da Imperatriz deflagrou a Operação Frank Stone em diferentes regiões de Florianópolis, como o Maciço do Morro da Cruz, na manhã desta terça-feira. A ação teve apoio de policiais da DIC (Delegacia de Investigações Criminais) de Palhoça, DPCO (Delegacia de Comarca), DPCAMI (Delegacia de Proteção à Criança, Adolescente, Mulher e Idoso) e PPT de Florianópolis,

Foram cumpridos mandados de busca e apreensão e de prisão preventiva contra investigados de assalto a uma joalheria em Santo Amaro da Imperatriz, em outubro deste ano. As ordens judiciais decorreram de investigação conduzida pelo Setor de Investigação e Capturas (SIC) da Delegacia de Santo Amaro, que apura informações sobre o roubo ocorrido na Joalheria e Ótica Quevedo.

A ação policial em Florianópolis resultou na prisão preventiva de dois investigados e na prisão em flagrante de outro suspeito, bem como na internação provisória de um adolescente envolvido no delito. Durante as buscas foram localizadas munições e jóias, que podem ter relação com o assalto.

Foram cumpridos mandados de busca e apreensão e de prisão preventiva contra investigados de assalto a uma joalheria em Santo Amaro da Imperatriz | Foto Polícia Civil/Divulgação

 

Quer receber as notícias no WhatsApp?