Um assaltante foi morto pela sócia-proprietária de uma lanchonete na noite desse sábado, em Criciúma. A ocorrência foi registrada por volta das 23h na rodovia Leonardo Bialeck, no bairro Argentina.

A Polícia Militar foi acionada, via Central de Emergências, para deslocar até a S.O.S Lanches, onde um homem estaria alvejado devido a um roubo ocorrido no local.

Quando a guarnição chegou ao local, a mulher estava com a arma de fogo em mãos, sendo solicitado para que largasse, ordem que foi acatada. Ela apresentou-se à PM como CAC (caçador, atirador e colecionador), com o devido registro.

Segundo informado, dois criminosos entraram no estabelecimento e anunciaram o assalto, ambos armados. Um deles ingressou com uma mochila e um revólver calibre 32, enquanto o outro permaneceu próximo à porta para tentar subtrair o dinheiro do caixa.

Após anunciarem o assalto, o autor que ingressou no estabelecimento deslocou para adentrar na cozinha, local em que ela estava juntamente com outros funcionários e familiares.

“No momento em que o autor chegou na porta armado com o revólver, acabou sacando sua arma (Pistola TH 9c calibre 9mm), sendo que o mesmo apontou a arma na direção da vítima do roubo e de seus funcionários e tentou efetuar os disparos, momento esse em que sua arma possivelmente falhou e que a vítima repeliu a injusta agressão iminente, conforme excludente de ilicitude, efetuando disparos contra o autor do roubo”, informou a PM.

Após os disparos, o autor teria deslocado até a porta de saída e caído no salão do estabelecimento. No momento dos fatos, a funcionária que trabalhava no caixa foi abordada pelo segundo autor do roubo, que teria permanecido na porta e anunciado o assalto.

“Que o mesmo portava uma arma de cano longo e apontou em sua direção, instante em que tentou retirar a arma das mãos do autor. Após segurar o armamento, o autor teria se jogado no chão, saindo correndo com a arma em mãos, não sendo possível visualizar o sentido que o mesmo tomou. Ao entrar no estabelecimento, a guarnição constatou o suposto autor do roubo deitado no chão com uma arma de calibre 32 próxima ao corpo. A referida arma encontrava-se com duas munições, sendo que as mesmas encontravam-se percutidas e não deflagradas. O suposto autor a todo momento tentava sair do local, sendo solicitado por diversas vezes para que o mesmo permanecesse deitado e aguardasse a chegada do socorro médico. A guarnição realizou breve busca pessoal no alvejado, sendo encontrado em suas vestimentas um celular pertencente a vítima do roubo”, complementou a PM.

Durante varredura no local, a guarnição localizou três estojos de munição calibre 9mm e, de imediato, solicitou apoio dos bombeiros para deslocarem até o local, sendo que o autor do roubo foi conduzido até o Hospital São José, ainda com vida, mas não resistiu.

 


Foto: Melhores Publicações