Na última terça-feira (26), Isaac Alcolumbre, primo do senador Davi Alcolumbre, foi solto por liminar deferida pelo desembargador Cândido Arthur Ribeiro Filho, do Tribunal Regional Federal da 1ª Região.

 

 

Ele havia sido preso no dia 20 de outubro, durante a Operação Vikare, da Polícia Federal, que tinha como objetivo desarticular uma organização criminosa que atuava no tráfico internacional de drogas.

Isaac Alcolumbre, que é ex-deputado estadual pelo Amapá, é dono de um aeródromo em Macapá. Segundo a PF, o local fornecia apoio logístico a aeronaves utilizadas para o tráfico internacional.