Uma carreta foi apreendida na tarde desta quinta-feira (7), na BR-116, em Mafra. O veículo portava placas falsas no momento da abordagem pela Polícia Rodoviária Federal e, dentro dele, foram encontrados R$ 17.800 em dinheiro de origem desconhecida.

Um Scania R124 tracionando um semi-reboque Randon foi parado em fiscalização de rotina. Os agentes perceberam sinais de adulteração nos documentos veiculares apresentados. Também foi constatado que os lacres das placas de ambos estavam rompidos. Após vistoria realizada e consultas aos sistemas da PRF, descobriu-se que as placas utilizadas eram falsas e os licenciamentos apresentados pertenciam a lotes de documentos roubados.

Dentro do Scania, oculto sob a cama da cabine, foram encontrados R$ 17.800 reais em dinheiro | Foto: PRF/Divulgação

O caminhão é registrado em Curitiba, e possuía restrições que impediam seu licenciamento desde 2011. O semi-reboque foi licenciado pela última vez em Guaíra (PR), mas estava baixado dos sistemas desde 2006, constando uma transferência para o Paraguai. Eles transitavam com placas de outros veículos similares da cidade paranaense de Pitanga.

Dentro do Scania, oculto sob a cama da cabine, foram encontrados R$ 17.800 em dinheiro, que o motorista, de 39 anos, alegou não ter conhecimento. Ele foi detido e encaminhado, junto com a carreta e o dinheiro, à Delegacia de Polícia Civil de Mafra.