A Polícia Militar de Santa Catarina (PMSC) completou nesta quarta-feira, 5, 186 anos de história. Em solenidade representativa realizada no 9º Batalhão de Polícia Militar (BPM), em Criciúma, foi realizada a promoção de um policial integrante da unidade por Ato de Bravura.

A distinção foi concedida ao soldado Fernando de Melo Rosso, integrante da Ronda Ostensiva com Apoio de Motocicletas (Rocam), da Companhia de Patrulhamento Tático do 9º BPM, pelo salvamento de uma idosa, de 76 anos, e o animalzinho de estimação dela, durante um incêndio no seu apartamento.

A Comissão de Promoção de Praças (CPP) da PMSC acatou o parecer do relator e o Comandante-Geral deferiu o pedido promovendo o soldado à graduação de Cabo por Bravura.

Histórico da ocorrência

Na madrugada do dia 15 de agosto de 2020, durante um incêndio em um apartamento no centro de Criciúma, uma moradora de 76 anos pedia socorro pela janela quando foi ouvida e vista pelo soldado Fernando de Melo Rosso, em seu apartamento próximo ao local.

Imediatamente, o policial acionou o Corpo de Bombeiros Militar (CBM) para atender a ocorrência e deslocou para o prédio em chamas, onde ajudou a evacuar a edificação e deu início ao socorro no apartamento, foco do incêndio.

O policial arrombou a porta do imóvel e, junto com alguns vizinhos, tentou controlar as labaredas, buscando a todo tempo localizar a senhora, porém ela se encontrava acuada pelas chamas e com a intensidade da fumaça não obteve sucesso.

A todo tempo, o policial continuou no combate às chamas, a fim de que não se alastrasse para o quarto da idosa até a chegada dos bombeiros, que deram continuidade ao combate.

Por fim, graças à intervenção rápida e pontual, o incêndio foi controlado e a vítima encontrada no seu quarto após três minutos. Devido ao pânico e a fumaça, a senhora encontrava-se bastante assustada, mas salva e ainda consciente.

Participaram da formatura o comandante da 6ª Região de Polícia Militar (RPM), coronel Evandro de Andrade Fraga; acompanhado do Chefe do Estado Maior da 6ª RPM, tenente-coronel Cristian Dimitri Andrade e o comandante do 9º BPM, tenente-coronel Sandi Murís de Medeiros Sartor.