O PPT (Pelotão de Patrulhamento Tático) do 14º BPM (Batalhão de Polícia Militar) conta com uma proteção a mais a partir desta quarta-feira (14). Os taticanos que atuam em Jaraguá do Sul e região começaram a usar coletes com placa balística nível 3-A rígido, que podem suportar tiros de fuzil 7,62mm e 5,56mm.

 

 

Das 29 placas que estão disponíveis para os policias militares do PPT, 11 foram disponibilizadas pelo Estado e outras 18 foram compradas com recursos próprios do 14º BPM, com doações feitas por pessoas físicas e jurídicas da comunidade.

Os valores doados também foram utilizados na compra das capas dos coletes balísticos. Os policiais militares realizaram uma série de pesquisas e encontraram um modelo importado, apontado por especialistas como a melhor opção para o uso tático.

O comandante do 14º BPM, tenente-coronel Márcio Leandro Reisdorfer, destaca que os novos coletes vão dar mais segurança e uma maior mobilidade aos taticanos, que atuam em situações de média e alta complexidade no âmbito da segurança pública.

Foto: Cláudio Costa/OCP News

“Essas placas vão proteger os policiais militares do Tático, que são treinados para atuar em ocorrências que demandam um maior aporte de materiais e de treinamento específico. Eles vão ter mais segurança em um possível confronto com marginais armados com fuzil”, destaca Reisdorfer.

Os policiais militares que atuam no PPT atendem situações graves, como roubo com o emprego de arma de fogo, no controle de distúrbios civis, busca e captura de bandidos escondidos em regiões de mata, dentre outros tipos de ocorrências.

Viaturas blindadas

Além dos coletes com maior proteção, as duas viaturas modelo Chevrolet Trailblazer utilizadas pelos taticanos foram blindadas. A blindagem dos automóveis custou R$ 22 mil e foi feita por uma empresa de Curitiba.

A assinatura da ordem de serviço para a execução do serviço também marcou a inauguração da sala do 14º PPT, que completou 20 anos neste ano e foi reformada pelos próprios PMs. Também foram entregues dois escudos balísticos táticos e onze capacetes balísticos.

Foto: Cláudio Costa/OCP News

Os investimentos feitos nos novos equipamentos para o Pelotão de Patrulhamento Tático totalizaram mais de R$ 77,2 mil.

“Há uma complementação do uso dos novos coletes com a blindagem das novas viaturas. Com essas proteções, os taticanos vão poder combater com mais segurança a marginalidade”, frisa o comandante.

 

Receba no seu WhatsApp somente notícias sobre Segurança Pública da região (Trânsito, Operações Policiais. etc...):

Whatsapp

Grupo OCP Segurança

Telegram

OCP Segurança