Polícia prende criminoso posto em liberdade por conta do coronavírus em Imaruí
Polícia prende criminoso posto em liberdade por conta do coronavírus em Imaruí

A Polícia Civil, por intermédio das delegacias de Pescaria Brava, Imaruí, Imbituba e Laguna, deu cumprimento a um mandado de prisão expedido em desfavor de um condenado pelo crime de tráfico de drogas.

Segundo a Polícia Civil, o preso havia sido posto em prisão domiciliar como forma de prevenção a propagação do Covid-19.

Porém foi verificado que ele estava com outro mandado de prisão ativo.

Além disso, em virtude da alta periculosidade, a Polícia Civil realizou diligências com o fim de demonstrar que a prisão domiciliar era inadequada ao caso.

“Fundamentado em relatório circunstanciado das diligências realizadas, o Delegado de Polícia representou ao Poder Judiciário de Imaruí, o qual acolheu a representação, após manifestação favorável do Ministério Público da mesma comarca, cumprindo-se assim o decreto de prisão pelas equipes da Polícia Civil”, informou a corporação.

Criciúma não houve

Na Comarca de Criciúma não houve nenhuma soltura, ou prisão domiciliar, por conta da situação de pandemia, conforme já assegurou publicamente a juíza Débora Driwin Rieger Zanini, da Vara de Execuções Penais.