Na última quinta-feira (15), ocorreu o encontro técnico de APH Tático (Atendimento Pré-hospitalar Tático) da Polícia Militar.

O evento aconteceu no auditório da Academia de Polícia Militar da Trindade, em Florianópolis.

O principal objetivo do encontro foi reunir policiais militares de todos os comandos regionais de Polícia Militar e unidades especializadas de todo o estado para estabelecer uma padronização de procedimentos educacionais e operacionais, fortalecendo a doutrina de APH Tático na corporação.

Presente no evento, o capitão Tiago Mesquita, da Polícia Militar da Bahia, que coordena o Projeto de APH Tático da Secretaria Nacional de Segurança Pública (SENASP), apresentou a Diretriz Nacional que foi instituída pela Portaria Ministério da Justiça nº 98/2022 e explicou sobre os treinamentos e metodologia aplicada no projeto.

Desde a publicação da portaria, essa foi a primeira visita técnica do coordenador a um Estado.

 

O coronel Márcio Leandro Reisdorfer, membro representante de Santa Catarina na câmara técnica junto à SENASP, explica que “o projeto de APH Tático da SENASP visa implantar uma política pública que visa diminuir a vitimização policial no Brasil, fomentando a uniformização de procedimentos, capacitações, equipamentos e insumos pré-hospitalares empregados para resguardar a vida de policiais feridos no exercício da função ou em função dela".

No período vespertino a comissão especial de estudos sobre APH Tático da Corporação apresentou o resultado de seus trabalhos, com a Diretriz Operacional, Procedimento Operacional Padrão (POP), programas de ensino e de padronização de material.

Ao final do evento foi anunciada a criação de uma comissão permanente para tratar do assunto e também o início da elaboração do Manual de APH Tático da PMSC.

Foto: PM/Divulgação

Receba no seu WhatsApp somente notícias sobre segurança pública da região (acidentes de trânsito , ações policiais):

Whatsapp

Grupo OCP Segurança

Telegram

OCP Segurança