A Polícia Militar de Criciúma reforçou novamente o efetivo para garantir a segurança no segundo turno das Eleições 2022. Neste fim de semana, dias 29 e 30, serão mais de 100 policiais atendendo somente as ocorrências específicas do Dia do Voto, com viaturas em pontos fixos e rondas ostensivas.

 

Os principais objetivos do reforço no efetivo é garantir a segurança da população e atender todas as demandas das Eleições sem prejudicar o policiamento ostensivo. Já na véspera haverá viaturas extras atuando. No domingo, dia 30, a PM vai trabalhar com 108 policiais e seis viaturas fixas nos principais locais de votação, que são: Colégio São Bento, CEI Professor Lapagesse, EEB Cel Marcos Rovaris, EEB Padre Miguel Giacca, EEB João Dagostim e EEB João Frasseto.

 

Demais viaturas da PM vão realizar rondas ostensivas nos locais de votação.

 

"Vamos trabalhar para garantir a segurança da população, para que todos possam votar com tranquilidade, bem como evitar que ocorrências como boca de urna e dano ao patrimônio sejam realizadas", explicou o comandante do 9º BPM, tenente-coronel Sandi Sartor.

 

A Polícia Militar desenvolveu um planejamento com juízes e promotores das três Zonas Eleitorais que abrangem o 9º Batalhão da Polícia Militar (9º BPM) de Criciúma, que são a 10ª, 92ª e 98ª. Juízes e promotores serão acompanhados durante todo o domingo por um oficial da Polícia Militar, para que tenha uma ligação entre a PM e o Cartório Eleitoral, diminuindo possíveis ocorrências, dificuldades e demandas que surgirem durante o período.

 

Fechamento das urnas

Após o fechamento das urnas, por volta das 16h30, a PM ficará concentrada nas proximidades do Cartório Eleitoral, na rua Getúlio Vargas, no Centro de Criciúma. A via já estará fechada para o fluxo de veículos pela Diretoria de Trânsito e Transporte (DTT).

 

A PM também acompanhará possíveis comemorações de candidatos eleitos, baseando-se sempre no regramento existente. A Rua da Gente, ao lado do Parque das Nações no bairro Próspera, será destinada para as comemorações. Caso os eleitos sejam de partidos diferentes, as comemorações para presidente serão concentradas no Parque Municipal Prefeito Altair Guidi, ao lado da Prefeitura de Criciúma.

 

"O objetivo de concentrar as comemorações nesses locais é para que não aconteça filas ou tumultos nas principais vias da cidade e evitar possíveis ocorrências fora dos locais de festejo", frisou o comandante.