Polícia investiga autoria de ameaça contra escola em Jaraguá do Sul

Foto: Arquivo OCP News Foto: Arquivo OCP News

Segurança

Por: Claudio Costa

sexta-feira, 01:42 - 29/03/2019

Claudio Costa

Atualizado às 16h14.

A  Escola de Ensino Médio Abdon Batista negou a existência de um bilhete ameaçando um atentado à unidade de ensino de Jaraguá do Sul.

De acordo com a assessoria de direção, o caso está sendo investigado pela Polícia Civil, mas é tratado como uma "brincadeira de mau gosto", possivelmente por parte de um aluno.

Suposta ameaça foi feita ao renomear o roteador da escola. Foto: Divulgação

Segundo explica a escola, na manhã de quinta-feira (28) um dos alunos nomeou o ponto de acesso do próprio celular para "Massacre as 11:40". O fato chamou a atenção da equipe da escola e alunos ao tentarem acessar a rede Wi-fi, onde aparecem todas as redes disponíveis, incluindo particulares.

Segundo a direção, os alunos já tinham conhecimento do caso e a polícia foi acionada imediatamente para fazer um boletim de ocorrência. No entanto, o caso é tratado como um falsa ameaça.

De acordo com o delegado titular da Delegacia da Comarca de Jaraguá do Sul, Luiz Carlos Gross, não há indícios de que haveria qualquer atentado à integridade dos alunos da unidade. A Polícia Civil trabalha na identificação do autor da brincadeira.

Quer receber as notícias no Whatsapp?

×
close