A Polícia Civil, por intermédio da Divisão de Repressão a Roubos da Polícia Civil de Criciúma (DRR/DIC), esclareceu uma tentativa de latrocínio ocorrida em setembro de 2019, no bairro Comerciário, área central da cidade.

Na ação criminosa, uma dupla armada anunciou o assalto para subtrair uma caminhonete.

Em seguida, a vítima realizou manobra de fuga e um autor realizou dois disparos de arma de fogo contra ela, atingindo a região da cabeça.

Mesmo ferida, a vítima conseguiu dirigir até um pronto socorro, onde foi atendida e sobreviveu.

Já os criminosos fugiram.

Vítima realizou manobra de fuga e autor realizou dois disparos de arma de fogo contra ela, atingindo a região da cabeça/Fotos: Divulgação

De acordo com o delegado Yuri Miqueluzzi, o trabalho de investigação da Polícia Civil identificou a dupla, de 27 anos e 19 anos, que executou o roubo, sendo esclarecida a identidade do motorista e do atirador.

"Ainda foi identificada uma terceira pessoa, de 23 anos, que planejou e organizou a ação criminosa, além de prestar apoio logístico para os outros integrantes. Os três foram indiciados por latrocínio tentado. Ainda foi demonstrado que o trio estava unido com a intenção de realizar múltiplos crimes, sendo caracterizada associação criminosa armada", explica o delegado.

Um dos envolvidos segue preso após captura em flagrante pela DIC de Criciúma por posse ilegal de munição e tráfico de drogas.

A 1ª Promotoria de Justiça ofereceu a denúncia, que está na 1ª Vara Criminal local.