Com informações do jornal Notícias do Dia. A Polícia Federal apreendeu 40 quilos de cocaína em um container descarregado no porto de Itapoá, nesta segunda (10). A droga foi transportada em um navio de bandeira alemã. O rastreamento feito pela Polícia Federal apontou que, apesar da última procedência da embarcação ter sido o porto de Rio Grande (RS), o container onde estava a droga havia sido carregado e descarregado em portos da Colômbia e do Equador. A droga estava distribuída em pacotes de 1 kg. Os criminosos esconderam a cocaína em uma das paredes internas do container. Os policias contaram com o apoio de um cão farejador da corporação para a localização do entorpecente. Um detalhe que chamou a atenção dos policiais federais é que o carregamento era monitorado pelos criminosos por um rastreador com chip colocado em meio à droga. As investigações devem prosseguir com o objetivo de identificar os responsáveis pela carga. O fato caracteriza, em tese, o crime de tráfico internacional de drogas, visto que a provável origem da cocaína é a Colômbia e seu destino final usualmente é algum país da Europa ou os Estados Unidos, que detêm os principais mercados consumidores.