A Polícia Civil estourou mais uma casa de jogos de azar em Florianópolis. Foi na tarde de quinta-feira (25), em ação do Setor de Investigação e Capturas do Complexo do Continente, durante nova fase da Operação “Las Vegas não é aqui”.

O lugar também funcionava como um depósito de máquinas caça-níqueis desmontadas. Esta é a quinta casa fechada desde maio, na Capital.

De acordo com o delegado André Marafiga, o local funcionava no Bairro Jardim Atlântico, no Continente. Quando os policiais acessaram o imóvel de dois andares encontraram no andar de cima 16 máquinas caça-níqueis em funcionamento.

“No fundo do mesmo imóvel há uma edícula, a qual servia como local de manutenção e depósito de máquinas e materiais para aparelhamento de casas de jogos”, descreveu o delegado.

No depósito foram encontrados componentes eletrônicos utilizados para a montagem das máquinas como placas-mãe e noteiros, além de caixas contendo cartelas de raspadinha.

O delegado ressaltou ainda que no imóvel foi constatada a prática de furto de energia. As máquinas, os componentes eletrônicos e as raspadinhas foram aprendidos e levados ao Complexo da Polícia Civil do Continente para lavratura dos procedimentos legais.

O delegado afirma que as investigações continuam para identificar o proprietário do local e posterior responsabilização.

Quer receber as notícias no WhatsApp?