A Polícia Civil de Joinville, junto com o Ministério Público, realizou na noite desta sexta-feira (16) a operação de fiscalização do cumprimento do regime aberto, no município.

Os agentes procuraram por 50 apenados, nos endereços cadastrados. O objetivo foi verificar se estavam cumprindo as regras do regime aberto de não sair de casa depois do horário determinado pela Justiça. No entanto, apenas 18 pessoas foram localizadas.

A operação desta sexta foi a quarta realizada no município. Os apenados foram condenados por crimes graves como homicídio, roubo e tráfico de drogas, e que conseguiram a pena em regime aberto e sem monitoramento eletrônico (tornozeleiras), informou a Polícia Civil.

O percentual de descumprimento da norma foi de 64%, menor do que os 93% verificados na primeira fiscalização realizada em Joinville, em 2017, também em parceria com o MP, pela 16ª Promotoria de Justiça.

A Polícia Civil irá repassar os dados ao Ministério Público, que poderá pedir a regressão das penas dos mais de 30 apenados que não foram encontrados no endereço declarado ao judiciário.

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram

Facebook Messenger