Policiais civis delegacias regionais de polícia de Blumenau, Balneário Camboriú e Palhoça deflagraram, na manhã desta terça-feira, uma operação contra crimes de pedofilia. Foram cumpridos oito mandados de busca e apreensão com quatro prisões em flagrante nas cidades de Indaial, Blumenau, Camboriú e Itapema. Também ocorreram apreensões em Palhoça, Gaspar e Balneário Camboriú.

O trabalho de investigação em cada município teve apoio da equipe da Diretoria de Inteligência da Polícia Civil. Os suspeitos estão sujeitos a penas de até oito anos. Durante o cumprimento dos mandados, os policiais recolheram, com apoio de peritos do IGP (Instituto Geral de Perícias), farto material armazenado em HDs, memórias RAM, computadores, máquinas fotográficas, pendrives, cartões de memória e celulares com milhares de imagens e vídeos envolvendo menores e adolescentes.

Foto: Polícia Civil/Divulgação

Na região do Alto Vale do Rio Itajaí, além dois flagrantes - um Blumenau e outro Indaial – a Polícia Civil indiciou mais dois suspeitos – um em Gaspar e outro em Blumenau. Ambos já haviam deletado as imagens, mas reconheceram o download em interrogatório. Em Indaial foram apreendidos mais de 15 HDs externos com material e indícios de que o suspeito estuprou a irmã e a prima quando as duas eram crianças. O suspeito escondia os HDs dentro de um cofre.

Quer receber as notícias no WhatsApp?