Policiais Civis da Delegacia de Homicídios de Joinville prenderam um homem que era investigado por participação no duplo homicídio das amigas Suelen Maia Cristovo, de 21 anos, e Gabriela Thais Rodrigues, de 20. As jovens foram encontradas mortas na manhã do dia 13 de setembro de 2016, na estrada que dá acesso à praia da Vigorelli, na Zona Norte de Joinville. No ano passado a DH já havia prendido duas pessoas por envolvimento direto no crime. No entanto, segundo a Polícia Civil, a investigação avançou e identificou outros envolvidos nesse crime bárbaro e covarde. Quer receber as notícias do Jornal de Joinville no WhatsApp? Basta clicar aqui Conforme a polícia, o homem preso nesta semana, de 25 anos, é o proprietário do imóvel que serviu de cativeiro nos momentos que antecederam a morte das amigas. Ficou evidenciado, também, que o crime aconteceu num contexto envolvendo, mais uma vez, disputas entre facções criminosas. Interrogado na sede da DH, o acusado negou integralmente o crime. A Polícia Civil disse que a investigação não acabou e outras pessoas podem ser presas nos próximos dias.