Polícia Civil investiga pai que agrediu bebê de dez meses em Jaraguá do Sul

Foto: @Marjonhorn/Pixabay

Por: Claudio Costa

09/05/2024 - 08:05 - Atualizada em: 09/05/2024 - 08:33

A Polícia Civil investiga um caso em que um bebê de 10 meses foi agredido pelo pai em Jaraguá do Sul.

O autor foi preso pela Polícia Militar no dia 4 de março, no bairro Ribeirão Cavalo.

A investigação do crime de lesão corporal está a cargo da DPCAMI (Delegacia de Proteção à Criança, ao Adolescente, à Mulher e ao Idoso).

Segundo o delegado Rui Kuchnir, o agressor foi detido e encaminhado para a Central de Plantão Policial de Jaraguá do Sul.

Na delegacia, o delegado plantonista realizou o auto de prisão em flagrante contra o autor por lesão corporal cometido no âmbito familiar.

“O autor foi encaminhado para o presídio e os autos remetidos ao fórum. Na audiência de custódia, o juiz concedeu a liberdade provisória para esse agressor. Os autores retornaram aqui para a DPCAMI de Jaraguá do Sul para diligências. Essas diligências estão sendo cumpridas pela equipe policial, onde estão sendo verificadas a lesão corporal e outras coisas que o juiz não tem ciência de que poderiam acontecido com essa criança. O juiz não ficou contente com o que foi angariado no momento do flagrante”, comentou o delegado.

Rui afirmou que o autor foi colocado em liberdade, mas não pode se aproximar da vítima, da mãe, não pode frequentar bares e retornar para casa antes das 21h.

No momento da prisão, o homem ficou calado. Na audiência de custódia, o agressor foi liberado pelo juiz sem o pagamento de fiança.

Porém, em nenhum momento o pai revelou os motivos de ter agredido o bebê.

Durante as diligências, outras pessoas deverão ser ouvidas para esclarecer a motivação do crime.

Notícias no celular

Whatsapp

Claudio Costa

Jornalista pós-graduado em investigação criminal e psicologia forense e pós-graduando em perícia criminal.