Nos últimos dias, a Polícia Civil indiciou três pessoas por envolvimento em um homicídio praticado em Maracajá, no Sul do Estado, em 2020. Durante as investigações, a arma do crime foi apreendida e dois dos suspeitos se encontram presos. A ação é da Divisão de Investigação Criminal (DIC) de Araranguá.

O inquérito policial, concluído nesta semana, apurou as circunstâncias da morte de um homem de 29 anos, ocorrida na noite de 16 de junho de 2020. A vítima foi atingida por disparos de arma de fogo dentro de uma residência, em Maracajá.

A DIC passou a investigar o caso e concluiu que a morte não era direcionada à vítima, mas a um homem que morava naquela residência e havia saído minutos antes do homicídio. Em uma operação da DIC com a Polícia Militar foi apreendido um revólver com dois dos indiciados neste homicídio. A comparação balística comprovou que a arma apreendida na operação foi a utilizada no crime.

Ao final das investigações os donos dessa arma e um terceiro homem que deu ordem à execução foram indiciados por homicídio qualificado.

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp