A Divisão de Repressão a Roubos da Polícia Civil de Criciúma (DRR/DIC-PCSC), coordenada pelo delegado Yuri Miqueluzzi, finalizou investigações e concluiu pelo indiciamento de cinco criminosos por roubos em Criciúma.

Os assaltantes utilizavam armas de fogo e facas para ameaçar as vítimas.

Uma dupla, de 24 e 21 anos, foi identificada com envolvimento em dois roubos seguidos contra entregadores de lanches. Com uso de faca e facão, levaram valores e aparelhos celulares de dois motoboys. Os crimes ocorreram nos bairros Universitário e Naspolini, em abril passado.

A investigação identificou os suspeitos, com informações de abordagem por policiais militares. A Polícia Civil representou pela prisão da dupla e os dois indiciados seguem recolhidos no Presídio Santa Augusta.

No Rio Maina, outra dupla realizou roubo de veículo com uso de arma de fogo em agosto passado. Os criminosos renderam um casal, levando o carro e celulares. O automóvel foi recuperado e restituído ao dono. A investigação identificou os autores, de 20 e 19 anos, e também houve pedido de prisão. Um deles foi capturado e segue recolhido no Presídio.

"Ainda foi identificado um suspeito, de 29 anos, de roubo na Cidade Mineira Nova. O criminoso rendeu um adolescente e subtraiu seu aparelho celular. As investigações concluíram pela sua participação no delito", concluiu o delegado.