A Polícia Civil, por meio da Delegacia de Proteção à Criança, Adolescente, Mulher e Idoso identificou o homem, de 26 anos, que, no dia 29/09/2016, por volta das 07:00 horas, na Rua Waldemar Rau, no Bairro Vila Rau, agarrou uma menina que estava indo para escola e, logo a seguir, passou a mão na bunda da adolescente. Depois de serem realizadas diligências no local onde ocorreu a contravenção penal, foram angariadas imagens do suspeito, as quais foram divulgadas na mídia local e, com o apoio da comunidade, através de denúncias anônimas, foi possível identificar o suspeito que aparece nas imagens. Na sequência, o suspeito foi intimado a comparecer na DPCAMI, onde foi registrado em seu desfavor um Termo Circunstanciado pela contravenção penal de importunação ofensiva ao pudor. A Constituição Federal proíbe a divulgação imagens de suspeitos que não tenham recebido condenação definitiva, portanto, se alguma possível vítima tenha passado por situação semelhante, procure a Delegacia de Proteção à Criança, Adolescente, Mulher e Idoso (DPCAMI) para o registro do Boletim de Ocorrência. A Polícia Civil informa que a população pode denunciar crimes por meio do Disque Denúncia (181), o qual possui sigilo absoluto e atendimento 24 horas.