Nesta manhã (14), a Polícia Civil, por intermédio da Delegacia de Polícia do Município de Pescaria Brava, deflagrou operação para o cumprimento de 3 (três) mandados de prisão temporária e 4 (quatro) mandados de busca e apreensão domiciliar.
A operação decorre de investigação que apura o crime de roubo circunstanciado ocorrido no último dia 26 (junho), em estabelecimento situado em Pescaria Brava - SC. Na ocasião, 3 (três) homens entraram no estabelecimento armados e roubaram do local cerca de 35 (trinta e cinco) relógios e 01 (um) celular. Outro indivíduo permaneceu em um veículo para que o grupo empreendesse fuga. A operação contou com a participação de 20 (vinte) policiais civis das delegacias de Pescaria Brava, DPCo Laguna, DIC Laguna, DPCAMI Laguna, DPCo Capivari de Baixo e DPMu de Gravatal, bem como com o apoio da Polícia Militar (Tubarão, Capivari e Gravatal). Os mandados de busca e apreensão foram cumpridos em Capivari de Baixo (3) e Gravatal (1). Durante as diligências, foram recuperados 2 (dois) relógios roubados. Um dos alvos contra quem foi decretada a prisão temporária conseguiu se evadir da ação policial, encontrando-se foragido. Os outros dois foram presos e encaminhados à UPA Laguna. Segundo o delegado de polícia William Testoni, os levantamentos iniciais da operação corroboram a linha de investigação até então traçada. Além da recuperação de objetos roubados, foram colhidos elementos de informação relevantes à investigação.

POLÍCIA CIVIL: Você pode não ver, mas estamos sempre presentes.

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram Jaraguá do Sul