A Polícia Civil, através da Divisão de Investigação Criminal (DIC) de Joinville, cumpriu mandados de busca e apreensão final da tarde de segunda-feira, na chamada “Feira do Brás”, que está funcionando há mais de duas semanas em Joinville, no Norte catarinense. A ação foi realizada após representantes de marcas conhecidas mundialmente apresentarem notícia- crime à autoridade policial. A operação apreendeu produtos que estavam sendo comercializados por preços inferiores ao praticado no mercado, considerados produtos falsificados. Os objetos apreendidos - entre eles camisas de times de futebol, como Grêmio, Internacional e Palmeiras - serão submetidos à perícia técnica. Segundo a Polícia Civil, os envolvidos podem responder por crimes previstos na Lei nº 9.279/96 que regulam direitos e obrigações relativos à propriedade industrial e pelos delitos de que trata a Lei nº 8.137/90 que dispõe sobre crimes contra a ordem tributária, econômica e contra as relações de consumo. Participaram da ação a Secretaria da Fazenda e o Procon. A feira itinerante não foi fechada.
Participaram da ação a Secretaria da Fazenda e o Procon | Foto Polícia Civil/Divulgação