A Polícia Civil, em ação conjunta entre as delegacias de Içara e Balneário Rincão, recuperou cerca de R$ 200 mil em objetos provenientes de crime de estelionato praticado na cidade gaúcha de Torres.

Segundo a Polícia Civil, os objetos estavam em casas de alto padrão, em Balneário Rincão, e num condomínio.

“A estelionatária realizava a “compra” de imóveis por meio de contratos com promessa de pagamento somente após 30 dias da assinatura do contrato, porém tinha acesso ao imóvel da promessa de compra antes. Desta forma sumia com os móveis das propriedades antes da data prevista do pagamento e nunca pagava o bem”, explicou a Polícia Civil.