A Polícia Militar de Santa Catarina começa nesta segunda-feira (18) a fazer o cadastramento das torcidas organizadas de Avaí e Figueirense. A medida, que já vinha sendo estudada pela corporação, ganhou força após as apreensões feitas neste domingo (17), antes do clássico realizada no estádio da Ressacada.

Em vistoria realizada no Ticen, após denúncia de tumulto no terminal de ônibus, foram apreendidas com membros da Mancha Azul barras de ferro, morteiros, espetos, boleadeiras artesanais, um soco inglês e dezenas de garrafas de bebida alcoólica.

Barras de ferro, morteiros, espetos, boleadeiras, soco inglês e bebidas foram encontrados com torcedores | Foto PMSC/Divulgação

Cerca de 150 torcedores foram levados pela PM, assinaram Termo Circunstanciado e foram liberados - inclusive sendo escoltados até a Ressacada, assim como os torcedores do Figueirense. Nenhum torcedor do Avaí foi preso.

A partir de agora, os membros das organizadas precisaram de identificação para entrarem nos estádios da Capital, tanto em jogos pelo Campeonato Catarinense quanto pelos Campeonatos Brasileiros das Séries A e B.

 

Quer receber as notícias no WhatsApp?