Uma criança vítima de maus-tratos foi encontrada em Garuva, no Norte catarinense, durante uma ação da Polícia Militar e do Conselho Tutelar, na manhã da última terça-feira (22).

No local, os policiais acabaram prendendo um casal pelo crime de tráfico de drogas. A ação ocorreu no bairro Geórgia Paula.

 

 

O Conselho Tutelar havia recebido uma denúncia de que uma criança estaria abandonada em uma residência e sofrendo maus-tratos por parte dos familiares. Além disso, o local seria utilizado para a comercialização de entorpecentes.

Ao chegar à moradia, a guarnição chamou um homem que estava dormindo em um sofá. Ao acordar, ele informou que a criança estava no quarto com a mãe. A mulher apareceu e autorizou a entrada do conselheiro tutelar e dos policiais.

A denúncia de abandono de incapaz não foi comprovada, porém, segundo a PM, um relatório médico da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Garuva constatou maus-tratos.

De acordo com os policiais, a residência estava mal cuidada em situação de insalubridade. A criança ficou aos cuidados do conselheiro tutelar.

Drogas

Durante a averiguação, a guarnição encontrou uma pochete com 21 papelotes de cocaína - o homem afirmou vender os entorpecentes. Em outro local, os policiais ainda localizaram 4,2 quilos de maconha e 401 gramas de cocaína.

Na residência também foram encontrados objetos de procedência duvidosa. O suspeito disse à PM que alguns daqueles objetos haviam sido trocados por droga. Foram apreendidos um aparelho automotivo e uma serra elétrica.

O casal recebeu voz de prisão e foi conduzido à Central de Polícia de Joinville.

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp