Nesta segunda-feira, visando reforçar a prevenção e reprimir crimes de receptação, furto de fios e de energia, principalmente nos bairros Pinheirinho, Paraíso, Boa Vista, Próspera e Renascer, o 9º Batalhão de Polícia Militar (BPM) deflagrou a operação “Rede Elétrica” em Criciúma, contando com o apoio da Defesa Civil, fiscais de empresas de telefonia (Tim, Claro e OI), Secretaria da Fazenda Municipal e Celesc.

Segundo a PM, por meio de ações simultâneas nos principais ferros-velhos e locais de compra e venda de sucata em áreas de risco criminal, visando à localização de fios furtados e outros objetos de receptação, sete pontos de comércio formais e informais foram vistoriados, sendo que em três deles foi constatada a suspeita de cometimento do crime de receptação de fiação.

Fotos: Divulgação PM

"No total, três pessoas foram conduzidas à Delegacia de Polícia em razão de grande quantidade de fios de origem duvidosa localizados em seus estabelecimentos. No total, a Polícia Militar apreendeu aproximadamente 40 quilos de fiação suspeita de ser utilizada pelas companhias de distribuição de energia", informou a PM.