A Polícia Militar recebeu, na última terça-feira (14), informações de que um imóvel no bairro Imaruí, em Itajaí, estava sendo utilizado por uma facção criminosa para guardar armas.

 

 

 

Quando chegaram ao local, os agentes identificaram que a casa estava desabitada havia alguns meses. A residência pertencia a um homem que morreu em confronto com a PM no dia 2 de julho, em Itapema.

Os policiais realizaram buscas no interior do imóvel e localizaram em um forro, dentro de um saco plástico preto, um fuzil russo AK-47, quatro carregadores e 44 munições. Todo o material apreendido foi levado à delegacia para providências legais.

 

Receba no seu WhatsApp somente notícias sobre Segurança Pública da região (Trânsito, Operações Policiais. etc...):

Whatsapp

Grupo OCP Segurança

Telegram

OCP Segurança