O motociclista Eraldo Zimdars, 50 anos, que morreu em um acidente nesta madrugada em Guaramirim, será velado na Capela Mortuária de Schroeder, a partir da tarde deste sábado (16). O sepultamento será realizado às 9h de domingo (17), no Cemitério do Centro de Schroeder. Pai de dois filhos, de 5 e 8 anos, Eraldo morava no bairro Sossego, em Schroeder, e trabalhava há cerca de dez anos na Weg, primeiro na prensa e no último ano no escritório da empresa. O irmão do motociclista, Alerio Zimdars, contou que Eraldo pilotava moto há aproximadamente 18 anos. "Ele tinha moto e carro, mas gostava bastante de andar de bicicleta e moto", revela. Algumas horas antes do acidente, Eraldo estava em uma festa na casa do irmão, no bairro Rancho Bom, em Schroeder. "Ele saiu daqui por volta de 22h30. A gente estava em uma festa e ele disse que iria para casa", lembra Alerio, que não sabia que o irmão havia se deslocado para Guaramirim. As redes sociais de Eraldo estão repletas de fotos de momentos com os dois filhos. Familiares descreveram Eraldo como um pai exemplar, bastante apegado e amoroso com as crianças. "Se foi o melhor pai e marido do mundo. Deus levou o meu amado esposo e infelizmente ficaram somente lembranças! Descanse em paz, meu marido! É muita tristeza", escreveu a esposa Elaine Cristina da Costa. 
O acidente 
A colisão entre motocicleta e caminhão ocorreu por volta da 1h10 deste sábado (16), na BR-280, em Guaramirim, na rotatória de acesso à Rodovia do Arroz. Segundo testemunhas ouvidas pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), a motocicleta com placa de Schroeder (SC) seguia no sentido Joinville/Jaraguá do Sul pela BR-280 e passou pelo canteiro da rotatória da Rodovia do Arroz e atingiu um caminhão com placa de Pato Branco (PR) que aguardava para acessar a SC-108. O motociclista  estava com múltiplas fraturas, traumatismo craniano e morreu no local do acidente. Leia mais: Motociclista morre em acidente na BR-280, em Guaramirim