Na noite do último sábado (8), um padre de Santa Catarina foi preso em flagrante em Curitiba, no Paraná, pelo crime de embriaguez ao volante. O sacerdote identificado como Edson Júnior Candatten, que atuava em Navegantes e pertence à Diocese de Blumenau, acabou detido na BR-277 depois de ser flagrado pela Guarda Municipal conduzindo um Volkswagen Jetta em zigue-zague.

Segundo relato dos agentes que atuaram na ocorrência, ele desobedeceu uma ordem de parada e foi perseguido. Na abordagem, que ocorreu na rodovia federal, o padre teria confessado que ingeriu duas garrafas de vinho. Foi realizado o teste do bafômetro que aferiu 0,98 miligrama de álcool por litro de ar expelido - quase três vezes mais do que a taxa que já configura o crime de trânsito.

Por conta disso, ele foi levado para a Delegacia de Polícia, onde pagou uma fiança de R$ 1 mil para responder ao processo em liberdade. Conforme a Diocese de Blumenau, o sacerdote está afastado de suas funções há cerca de dois meses.

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Quer mais notícias do Coronavírus COVID-19 no seu celular?

Telegram Jaraguá do Sul