Um laboratório de produção da droga foi desarticulado em Rio dos Cedros, no Vale do Itajaí | Foto Divulgação PF
Um laboratório de produção da droga foi desarticulado em Rio dos Cedros, no Vale do Itajaí | Foto Divulgação PF

A Polícia Federal e a Polícia Civil de Santa Catarina, com o apoio da Polícia Rodoviária Federal, deflagraram a Operação Psy Trance na manhã desta quarta-feira (27), com o objetivo de desarticular organização criminosa dedicada à fabricação, distribuição e à comercialização da droga sintética MDMA (ecstasy) em Santa Catarina.

Além de um laboratório de produção da droga, desarticulado em Rio dos Cedros, no Vale do Itajaí, uma empresa que atua com produtos químicos em Joinville, no Norte de SC, também é alvo da investigação. Dados preliminares apontam que esta operação pode ser a maior em volume de apreensão de droga sintética pela PF já realizada no país.

Laboratório de sintetização da organização em Rio dos Cedros | Foto Divulgação/PF

Cerca de 50 policiais - entre federais, civis e rodoviários federais - cumprem quinze mandados de busca e apreensão expedidos pela justiça estadual de Santa Catarina nas cidades de Camboriú, Balneário Camboriú, Joinville, Rio dos Cedros e Anitápolis.

Já na noite de terça-feira (26), uma equipe composta pelas forças policiais e com o apoio da PRF prendeu em flagrante cinco pessoas, sendo duas as principais integrantes da organização, com grande quantidade de esctasy, bem como localizou o laboratório de sintetização da organização em Rio dos Cedros.

Organização criminosa é dedicada à fabricação, distribuição e à comercialização da droga sintética MDMA | Foto Divulgação/PF

A operação, que está em andamento, prossegue no cumprimento dos mandados judiciais. A investigação de agora em diante se aprofunda junto a empresas de químicos que forneciam os insumos à associação criminosa, a seu desmantelamento financeiro, bem como em estabelecimentos comerciais que lavavam o dinheiro proveniente do tráfico de drogas.

Os investigados deverão ser enquadrados, na forma da Lei, por tráfico e associação ao tráfico de drogas.

Quer receber as notícias no WhatsApp?