A Polícia Federal e a Receita Federal deflagraram na manhã desta terça-feira (27) a operação The Wall, de combate ao tráfico de drogas, com o cumprimento de 33 mandados de busca e apreensão e 24 mandados de prisão.

As ações estão em andamento em Itajaí, Balneário Camboriú, Blumenau, Balneário Piçarras e Ilhota, além de Santos (SP). De acordo com as primeiras informações, os traficantes usavam os portos de Itajaí e Santos para enviar as mercadorias para o exterior.

Com apoio da Receita Federal, que forneceu informações sobre a ovimentação de contêineres nos portos, foi possível o que permitiu identificar quais cargas estavam com as drogas.

A operação The Wall teve início com a apreensão de 1.700 kg de cocaína no porto de Antuérpia, na Bélgica, nem dezembr de 2018. Posteriormente se constatou que a mesma quadrilha foi a responsável pela remessa de 558 kg apreendidos no porto de Navegantes em abril deste ano.

O nome The Wall (parede em inglês) decorre do fato de a droga estar camuflada em meio a uma carga de tijolos, a qual formava uma ‘parede’ dentro do contêiner, dificultando sua localização.

Droga era escondida em contêineres | Foto PF/Divulgação

As organizações criminosas investigadas atuavam inserindo cocaína em contêineres embarcados nos portos da região, utilizando empresas de fachada com atuação na logística portuária.

Foram recrutados 150 policiais federais para a execução das medidas. A operação contou com o apoio também de servidores da Receita Federal e cães farejadores.

Além da prisão dos investigados, também foram apreendidos veículos e bens dos envolvidos.

Receba as notícias do OCP no WhatsApp: