A Polícia Civil, por meio da Delegacia de Polícia de Araquari e Balneário Barra do Sul, concluiu investigação que apurava a tentativa de homicídio praticada contra um morador de rua no bairro Itinga em Araquari.

As investigações iniciaram após a Polícia Civil ser acionada pelos Bombeiros para verificar uma suposta tentativa de homicídio.

A vítima, um morador de rua e usuário de drogas, foi acusado pelos membros da organização criminosa de pertencer a uma facção rival, e a cúpula que comanda a organização decretou sua morte.

Os membros da organização montaram uma verdadeira operação de caça a vítima. Grupos saíram em veículos procurando-a e, após encontra-la, montaram uma armadinha, atraindo a vítima para uma “biqueira” onde lhe forneceram drogas.

Momentos depois, a vítima foi abordada por membros da facção e, após confirmarem a ordem para matar a vítima, a levaram para um local ermo e fizeram 2 disparos de arma de fogo contra ela, sendo um na cabeça e um no tórax.

No entanto, a vítima não veio a óbito e conseguiu andar até uma rua, onde foi socorrida por populares que acionaram os bombeiros.

Os agentes foram identificados. Quatro deles foram presos na operação NARCOS SC, ocorrida no dia 18/12, que investigava essa organização criminosa.

Outro investigado foi preso no dia 29/01 e outros 3 permanecem foragidos.
Formalizado o relatório de conclusão, a Policia Civil representou pela prisão temporária dos investigados para que permaneçam presos durante o processo.

Receba no seu WhatsApp somente notícias sobre Segurança Pública da região (Trânsito, Operações Policiais. etc...):

Telegram