Os vazamentos nas redes de água registraram um aumento significativo nessa estação. O diretor presidente do Samae, Ademir Izidoro, explica que nessa época do ano, devido ao aumento de consumo de água é necessário aumentar a pressão nas redes de distribuição. O aumento de pressão acontece para atender as regiões mais altas da cidade.
Quando há muitas ocorrências de vazamento, como o Samae procede para definir prioridades?
Existem dois tipos de ocorrências que causam vazamentos: os rompimentos de rede e os rompimentos de ligação. Os rompimentos de rede são maiores e a abrangência dos consumidores afetados também é maior, assim como o desperdício. Por isso os vazamentos de rede sempre são priorizados.
Quais são as principais dificuldades enfrentadas pelas equipes do Samae para realizar o reparo dos vazamentos?
O Samae conta com cinco equipes destinadas a esse fim e atualmente tem-se registrado em média 50 vazamentos por dia. Dessas cinco equipes, três estão equipadas com máquinas. Na maioria das vezes a pessoa que solicita o conserto do vazamento não sabe informar onde está a origem dele. Então o Samae envia uma equipe para efetuar o conserto e em algumas situações a equipe que se deslocou até a ocorrência não é a equipe que possui máquina e o conserto exige a presença de máquinas. Com isso o reparo leva mais tempo para ser efetuado.
Por qual motivo acontece a incidência de “água suja” logo após um conserto?
Pode ocorrer água turva após um conserto de vazamento, pois há materiais que ficam aderidos nas paredes internas das tubulações, e quando a rede é novamente pressurizada ocorre desprendimento desse material. Geralmente esse material sedimenta na caixa-d’água, não causando transtornos. Lembrando que o material aderido não torna a água imprópria, porém pode causar manchas em louças sanitárias ou roupas. Por isso a importância da existência de caixa d´agua nas residências, ela evita que nesses casos a água siga diretamente para as descargas, pias e máquinas de lavar roupas.
Quais orientações consideram importantes para a população?
Sempre avisar o Samae quando identificar um vazamento, através do telefone 2106-9100. Quando ocorrer falta de água na residência em virtude de um fechamento de rede para conserto de vazamento, fechar o registro para evitar a ocorrência de “água suja”. Caso aconteça manchas em roupas por incidência da “água suja” procure o Samae para ser orientado nesse sentido.
O que o Samae tem feito para amenizar esse tipo de ocorrência?
O Samae vai colocar em prática projeto para troca de rede de água na Rua Epitácio Pessoa. O trecho de aproximadamente 360 metros, que vai desde a pizzaria Domini até o trecho de acesso a Rua Erwino Menegotti, pois tem registrado quantidade significativa de vazamentos devido ao solo rochoso e ao alto fluxo de veículos na região. As ocorrências de vazamento nessa via aumentaram quando o trecho que era passeio se tornou via de tráfego de veículos, aumentando a carga de circulação e danificando a rede de água. A solução para esse problema é a substituição dos atuais tubos de DEFOFO por tubos de ferro. O investimento de aproximadamente R$ 200 mil deve acontecer ainda esse ano, e vai contribuir para a redução de vazamentos na região e do índice de perdas da Autarquia.
Foto: Samae – Operação de conserto de vazamento