O ano de 2019 acabou e dois fatos, um positivo e um negativo, se destacaram na área da segurança pública em Blumenau. A boa notícia para a população é que a cidade registrou queda nos crimes contra o patrimônio: furtos e roubos.

Por outro lado, os casos de violência doméstica dispararam no município e acompanham o crescimento de ocorrências policiais contra as mulheres em Santa Catarina. Os dados constam em um balanço divulgado, nesta quinta-feira (2), pelo 10° Batalhão de Polícia Militar (BPM).

Durante o ano, a PM atendeu mais de 21,7 mil ocorrências em Blumenau. Ao todo, houve 260 notificações de roubos e 1.440 de furtos, representando uma queda de 29% e 16%, respectivamente, em relação a 2018.

Em contrapartida, os crimes de violência doméstica subiram 51% no ano passado. Segundo o 10° BPM, foram 830 casos na cidade. Em números absolutos, isso representa um aumento de 280 ocorrências na comparação com o balanço de 2018.

Já o número de homicídios ficou estável. Nos últimos 12 meses, Blumenau registrou 31 crimes contra a vida, repetindo a quantidade do ano retrasado. De acordo com a Polícia Militar, 2.634 pessoas foram presas ou detidas na cidade. Além disso, 72 armas acabaram apreendidas.

Crimes registrados em Blumenau em 2019

  • Homicídios: 31 (índice ficou estável);
  • Roubos: 260 (queda de 28,9% em relação a 2018, quando houve 366);
  • Furtos: 1.440 (queda de 15,7% em relação a 2018, quando houve 1.710);
  • Casos de violência doméstica: 830 (aumento de 50,9% em relação a 2018, quando houve 550).

Quer receber as notícias no WhatsApp?