Caso ocorreu no bairro Água Branca, em São Francisco do Sul, nesta sexta-feira | Foto Bombeiros voluntários/Divulgação

Caso ocorreu no bairro Água Branca, em São Francisco do Sul, nesta sexta-feira | Foto Bombeiros voluntários/Divulgação

Uma mulher foi mantida refém pelo próprio filho, de 29 anos, por mais de cinco horas durante a madrugada e o começo da manhã desta sexta-feira (11), em São Francisco do Sul, no Norte de SC , segundo a Polícia Militar. O caso ocorreu no bairro Água Branca e a vítima foi libertada após intensa negociação da polícia com o autor das ameaças.

Quer receber as notícias no WhatsApp? Clique aqui

De acordo com a PM, o homem - filho da vítima - está em regime condicional e seria usuário de drogas. Logo depois de chegar em casa, o rapaz pediu dinheiro para os pais para comprar droga. A mãe e o pai se negaram e ele ficou revoltado, vindo a ameaçar cortar a mangueira do gás de cozinha para atear fogo na residência.

Viaturas da polícia e um caminhão de combate a incêndio chegaram a ser enviados ao local da ocorrência durante a madrugada desta sexta-feira | Foto Bombeiros voluntários/Divulgação

O pai do homem conseguiu fugir, pulando a janela minutos depois de o filho fazer as ameaças. Ele entrou em contato pelo 190 com a PM informando o fato por volta da 1h30. Já a mãe, ficou refém até próximo das 7h.

A Polícia Militar deslocou várias viaturas até a rua e ainda solicitou apoio do Bope (Batalhão de Operações Policiais Especiais) de Florianópolis como medida de prevenção. Foram várias tentativas para libertar a mulher, mas somente no início da manhã o rapaz se entregou à polícia.

De acordo com a PM e os bombeiros, a vítima era uma idosa, mas não ficou ferida. Ela foi conduzida pelos Bombeiros Voluntários de São Francisco do Sul até o pronto-atendimento do município para avaliação médica. A ocorrência teve apoio do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência).

Negociação se estendeu até o começo da manhã desta sexta-feira | Foto Bombeiros voluntários/Divulgação

Segundo informações à Rede OCP News, até por volta das 11h desta sexta-feira (11), o rapaz permanecia na Delegacia de Polícia Civil de São Francisco do Sul prestando depoimento ao delegado.