Mulher é indiciada por maus-tratos após abandonar cão paraplégico em Palhoça

Foto: PCSC/Divulgação

Por: OCP News Florianópolis

03/04/2024 - 10:04 - Atualizada em: 03/04/2024 - 10:07

Uma mulher foi indiciada por maus-tratos após abandonar um cão paraplégico na sacada de sua residência e deixar outros dois cachorros em condições precárias, sem acesso a água e alimentos. O caso foi registrado em Palhoça, na Grande Florianópolis. Conforme investigação da Delegacia de Proteção a Animais Domésticos (DPA) da Polícia Civil de Santa Catarina (PCSC), a mulher se mudou, deixando os animais abandonados. O nome dela não foi divulgado.

Em seu depoimento, a antiga tutora alegou que seu irmão retornaria para cuidar dos animais. Porém, de acordo com as investigações, as evidências coletadas durante a investigação refutaram suas declarações.

Os cães, todos Sem Raça Definida (SRD), foram encontrados vivendo em condições deploráveis, sem abrigo contra sol e chuva, conforme relatado pela Polícia Civil. A denúncia partiu dos vizinhos, que testemunharam os animais se alimentando da própria sujeira e dos comedouros de plástico.

Diante dos fatos, a antiga tutora foi formalmente indiciada pelo crime de maus-tratos qualificado contra os cães. O indiciamento foi encaminhado ao Poder Judiciário, com a possibilidade de uma pena que pode chegar a até 5 anos de prisão, além do pagamento de multa.