Por volta das 13h desta sexta-feira (26) um homem acionou a Polícia Militar de Tubarão após ter sido ameaçado e desacatado por uma moradora de um conjunto residencial no bairro Revoredo, em Tubarão.

Segundo a vítima da ameaça, a mulher de 41 anos, e com 39 boletins de ocorrência em seu nome, sendo diversos pelo crime de tráfico de drogas, estaria morando no conjunto residencial a cerca de quatro meses, e que após sua chegada começou a ter atritos com a vítima da ameaça, devido ao mesmo ser sindico do prédio.

Aos policiais o homem alegou estar cansado dos transtornos que essa mulher causava. Ele afirmou que ela disse já ter ficado seis anos presa e disse que não teria problema em ficar mais tempo presa se fosse para chamar alguém para matar o sindico. Diante da ameaça o homem acionou a polícia.

No local os policiais militares da Radiopatrulha (RP) de Tubarão, formalizaram um termo circunstanciado contra a mulher, e em consulta nominal viram que a mesma continha em seu desfavor um mandado de prisão ativo por tráfico de drogas, sendo então conduzida ao Presídio Feminino de Tubarão.

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp