A Polícia Militar deu voz de prisão ao motorista que fugiu após atropelar um homem em Jaraguá do Sul.

O caso aconteceu na tarde deste domingo (24), na rua Manoel Francisco da Costa, no bairro João Pessoa.

 

 

Ele foi abordado em frente a um restaurante, na BR-280 em Guaramirim.

Com base em relatos de testemunhas, nas imagens feitas pela câmera de uma residência, bem como no depoimento do abordado, a PM deu voz de prisão a ele.

O homem foi submetido a dois testes de bafômetro, que deram negativo para o consumo de álcool.

No entanto, os policiais encontraram uma bucha de maconha no bolso dele. O homem negou que tenha feito uso da droga hoje.

A Polícia Científica foi acionada para realizar perícia no veículo e no local dos fatos, e o homem foi encaminhado à Delegacia de Polícia.

O caso

Na tarde deste domingo, um homem de 36 anos foi atropelado em Jaraguá do Sul. Após o ocorrido, o motorista fugiu do local.

O caso aconteceu na rua Manoel Francisco da Costa, no bairro João Pessoa.

Conforme a esposa da vítima, o atropelamento foi proposital. Ela relatou que seu marido reduziu a velocidade ao passar por um radar, e o carro, um Volkswagen Jetta, estaria logo atrás em alta velocidade.

Por isso, de acordo com ela, o motorista teve de frear bruscamente atrás do seu marido.

Ela conta que, na sequência, o carro ultrapassou a moto, e seu marido deu sinal de luz e buzinou, ainda em razão do susto que ele havia levado com a freada brusca.

No entanto, a partir desse ponto, o Jetta teria passado a trafegar em baixa velocidade, e o motociclista aproveitou para ultrapassar o carro.

Quando o condutor da moto desceu do veículo, na rua Manoel Francisco da Costa, o Jetta, que vinha em baixa velocidade, teria acelerado e o atingido.

Conforme a esposa, que presenciou o ocorrido, o motorista ainda voltou e tentou acertar a vítima novamente.

Na sequência, o condutor do Jetta seguiu rumo ao Centro. Alguns minutos depois, ele foi abordado pela Polícia Militar em Guaramirim.

Fotos: