Morte em motel evolvendo policiais da PM deve ser julgada pela Justiça comum

Morte em motel evolvendo policiais da PM deve ser julgada pela Justiça comum Morte em motel evolvendo policiais da PM deve ser julgada pela Justiça comum

Segurança

Por: OCP News Jaraguá do Sul

domingo, 09:00 - 18/02/2018

OCP News Jaraguá do Sul
O Policial Militar que matou o amante da companheira em motel de Joinville deve ir a júri popular. A decisão é da 5º Turma do  STJ (Superior Tribunal de Justiça), que na semana passada, anulou o processo que seguia na Justiça militar. Os ministros entenderam que o caso não é crime militar, e por isso deve ser julgado pela Justiça comum. O crime aconteceu em 31 de maio de 2017, quando segundo a investigação, Anderson Dieymes David, invadiu um motel em Pirabeiraba, e flagrou a companheira com um colega de trabalho, na cama. Os três são integrantes da Polícia Militar. O casal estava em processo de separação. Mesmo assim Anderson atirou e matou o colega de farda Jefferson da Silva Marafian, que não resistiu. Quer receber as notícias do Jornal de Joinville no WhatsApp? Basta clicar aqui para fazer parte do grupo aqui
×