A Câmara de Vereadores de Guaramirim, no Norte catarinense, confirma a morte, na noite deste domingo, do ex-vereador e ex-presidente da Câmara de Vereadores do município, Valeriano Devigilli. Além da carreira parlamentar, ele é pai do vice-prefeito, Osvaldo Devigilli. O corpo deve ser velado nas dependências da Câmara, a partir da 1h da madrugada desta segunda-feira (6). A assessoria da Câmara envia, em nome dos vereadores, as condolências à família e aos amigos. Segundo informações, Valeriano Devigilli tinha 82 anos. Ele teria morrido em casa, de causas naturais. Depois do velório, o corpo deve ser encaminhado para ser cremado no Crematório Catarinense do bairro Nereu Ramos, às 15h desta segunda. Ele deixa enlutados a mulher, filhos, genros, noras, netos e demais parentes e amigos.